Área Restrita

Novidades

Dois idiomas, uma criança: a metodologia bilíngue do Balãozinho Mágico

MG_6226-633x422

Hoje em dia ter o domínio de um segundo idioma é essencial para atender as necessidades do mundo globalizado. Partindo desta perspectiva, desde janeiro de 2013, o Jardim Escola Balãozinho Mágico adotou o ensino bilíngue. Com apenas dois anos, a criança já pode ter seu primeiro contato com a língua inglesa. As aulas atendem desde o nível II da Educação Infantil, até o 4º ano do Ensino Fundamental. A ideia é que até 2016 toda escola esteja inserida na metodologia bilíngue, quando o ensino será ampliado para o 5° ano do Ensino Fundamental e, futuramente, incorporado à grade regular da escola.

Nesta metodologia as professoras falam inglês durante toda a aula, estas que acontecem durante todos os dias e possuem uma hora de duração. As professoras trabalham com todo um processo adequado para que as crianças se adaptem da melhor maneira possível. Essa metodologia utilizada faz parte da franquia Twice, a qual possui um supervisor pedagógico que vai garantir as aulas dentro do padrão, além de trazer novidades de ensino e materiais atualizados.

A rotina das aulas tanto para a Educação Infantil quanto para o Ensino Fundamental são bastante parecidas, mas há algumas adaptações para atender a faixa etária das crianças. Segundo a coordenadora do Bilíngue, Caroline Siqueira, a importância do ensino bilíngue surge a partir da necessidade em acompanhar as transformações no mundo, ou seja, a partir da tendência decorrente de uma necessidade em se ter um novo idioma. “Uma das vantagens em ter o ensino de uma segunda língua nas instituições regulares de ensino é conseguir duas funções de grande importância para a educação das crianças: uma educação de qualidade e o ensino eficiente de um novo idioma”, disse.

Além disso, os conteúdos trabalhados estão de acordo com o currículo nacional do MEC. Dessa forma, assuntos das disciplinas de ciências e de matemática, por exemplo, também são estudados com o novo idioma. Assim, o aluno além de ter a introdução ao novo idioma, agora pode revisar os conteúdos regulares de aulas também em inglês.